Clubhouse – O que é?! Descubra 5 pontos positivos e 5 pontos negativos
Capa - Clubhouse

Clubhouse – O que é?! Descubra 5 pontos positivos e 5 pontos negativos

Clubhouse é uma rede social baseada somente em áudio, que por enquanto é somente para convidados, lançada em 2020 pela Alpha Exploration Co. em dezembro de 2020, foi avaliado em quase US$100 milhões. Em 21 de janeiro de 2021, a avaliação atingiu US$1 bilhão. Já dá para ver somente por essas cifras, o quanto essa rede está fazendo barulho e crescendo, a questão de exclusividade e convites, deixa a rede com aquele desejo, aquela vontade de entrar e descobrir o que existe nela.

Para resumir um pouco sobre o que é essa rede baseada em áudio, é como se fosse uma sala de reunião que você convida seus amigos para conversar, ou um podcast, mas ao vivo! O legal é que você cria salas e pode convidar as pessoas que estão escutando para conversar junto com você, então se a gente cria uma sala para conversarmos sobre marketing, podemos chamar as pessoas para tirar suas dúvidas ao vivo, e isso vale para qualquer sala e qualquer assunto. É bem bacana!
Nós aqui da VEROK testamos a rede por 5 dias e separamos aqui 5 pontos positivos e 5 negativos da nova rede.


O lado positivo do Clubhouse:

 

1- Usabilidade!

Por mais que seja um aplicativo novo e tenha muitas coisas para melhorar, a usabilidade do aplicativo de cara é muito boa, é fácil de usar e encontrar o que procura, além de ter uma linguagem descontraída em seus call to actions.

UX - Clubhouse
UX – Clubhouse

 

2- Funciona em segundo plano!

Isso é de longe a melhor coisa que existe nesse aplicativo, TUDO nele funciona sem você perder o acesso às salas de áudio. Quando você entra em uma sala e começa a escutar seu conteúdo, você pode visitar outros perfis, seguir e conhecer pessoas, fazer qualquer coisa dentro do aplicativo e você continua escutando tudo. Eeeeeee, não para por aí, mesmo fora do aplicativo isso acontece, ou seja, você pode ficar no Instagram, no Facebook, ou em qualquer outro aplicativo, ou estar com o celular bloqueado, enquanto continua escutando o bate-papo da sala que você entrou no Clubhouse. Isso é MUITO mas MUITO bom.

 

3-Networking

Sabe quando você vai em uma palestra, ou evento, e acontece aquele coffee break? O Clubhouse é basicamente isso! Você tem acesso a muito conteúdo e pessoas, que talvez não teria em outro local. Talvez isso não continue depois do crescimento da rede, mas, hoje o pessoal lá é MUITO atencioso, e você consegue muita informação e dicas lá, além de conhecer e poder conversar com pessoas bem influentes em seus segmentos.

 

4-Diversidade de informações

O legal do Clubhouse é poder trocar informações sobre qualquer assunto, desde marketing, empreendedorismo, negócios, finanças, até salas de humor/stand-up. É claro que, não existem ainda todos os assuntos possíveis, até porque a rede ainda está em crescimento e as pessoas estão descobrindo. Mas ela possibilita que aconteçam todos os assuntos possíveis dentro dela, basta somente encontrar o assunto, ou criar uma sala com esse assunto e esperar as pessoas que se interessam acessá-la.

 

5- Chance de crescimento

A gente SEMPRE fala aqui na VEROK o quanto é difícil crescer audiência em redes consolidadas como Facebook e Instagram, que já tem muita gente produzindo conteúdo e muita gente que já é autoridade lá. Não é de hoje o quanto falamos sobre o TikTok o quanto é mais fácil você ser descoberto lá, criar um conteúdo legal e viralizar, pois a rede é nova e você tem espaço para isso, o algoritmo não te barra e as pessoas estão procurando conteúdos novos, então é muito mais fácil você virar uma autoridade no TikTok do que no Instagram. Essa mesma lógica acontece no Clubhouse, como falamos no tópico 4 a rede suporta vários assuntos, eu Jean, não vi NENHUM conteúdo sobre academia por exemplo, que é um assunto que gosto muito, logo EU estou perdendo tempo, não criando uma sala lá e começando a conversar e trocar ideias sobre isso! E VOCÊ está perdendo tempo, não criando uma sala com um assunto que você goste ou domine! Realmente tem MUITO espaço para crescer e virar autoridade lá, basta somente querer e fazer acontecer!

 

O lado negativo do Clubhouse:

 

1- Restrições do aplicativo

Por enquanto, o aplicativo funciona somente em iPhone e é em inglês, isso com toda certeza barra muito o crescimento da rede, principalmente no ambiente brasileiro, onde a maioria das pessoas usam Android e não falam inglês. Outro ponto é o acesso via convite, eu sei que isso pode até ser um ponto positivo, porque as pessoas ficam com vontade de acessar, a rede se torna exclusiva e isso faz você ter uma sensação que está fora da brincadeira do momento. Mas isso também com toda certeza, faz o aumento de usuários diminuir e ser mais lento e não sei se o Clubhouse tem todo o tempo do mundo não, afinal ele está competindo com redes consolidadas que a qualquer momento podem derrubá-lo.

 

2- Algoritmo ineficiente

Eu sei que a rede é nova, tem muito o que aprender sobre seu próprio ambiente, como as pessoas vão usar e se comportar e somente com o tempo vai dar para melhorar e aperfeiçoar seu algoritmo. MAS, alguns erros básicos como, pesquisa ineficiente, entrega de salas conforme meu uso, selo para confirmar perfis de celebridades e evitar fakes, são coisas que já existem em outras redes e que são simples de serem implementadas.

 

3- Limites

O limite de pessoas na sala é 5k. Isso hoje em dia para grandes celebridades, grandes influencers é pouco! O objetivo é passar informação, conteúdo, entretenimento, seja o que for para o maior número de pessoas. Hoje qualquer grande celebridade que abrir uma live no Instagram em poucos minutos passa de 20k de pessoas visualizando simultaneamente FÁCIL, então onde você acha que ele vai preferir distribuir conteúdo? Em uma sala de bate-papo com limite de 5k ou em uma live do Instagram sem limitador? Você já sabe a resposta…

 

4- Falta interação/engajamento

Meu o maior pecado das salas é você não poder se manifestar de forma “calada” nem sempre você quer participar conversando ou como eles chamam lá, sendo um “speaker”, falta formas de se manifestar no estilo reações do Facebook, ou seja, eu gostaria de poder mandar um curtir, não curtir, amei, palmas, parabéns, enfim, alguma forma de poder reagir ao conteúdo que está sendo discutido. Além disso, eu acho que um chat seria MUITO importante.

 

5- Somente ao vivo

Isso também é um ponto que pode ser ruim ou bom ao mesmo tempo, mas o fato das conversas não ficarem gravadas e você não ter mais acesso a elas depois que a sala é encerrada, impossibilita muitas pessoas de ouvirem esse conteúdo, já que algumas podem ter compromissos no momento que a sala está online, e sendo sincero, creio que quem faz o conteúdo também não se prepara tanto para falar sobre ele em um ambiente assim, já que sabe que isso não ficará gravado e disponível para sempre, por exemplo, se você gravar um vídeo para o Youtube, ou um Podcast você toma muito mais cuidado com a forma que vai falar, o conteúdo que vai gerar, pois sabe que isso vai ficar gravado com acesso as pessoas pelo tempo que você decidir, já no Clubhouse somente quem estiver escutando você no exato momento que você falar que vai absorver.

 

É pessoal, esse foi nosso post com pontos positivos e negativos do Clubhouse, a gente vai continuar testando o aplicativo nos próximos dias para trazer mais novidades para vocês, lembrando que vamos fazer um sorteio de convites lá no nosso Instagram, então se você não segue a gente ainda, corre lá! @verokdigital =)

Valeeeeeeeeeeu até a proxima!

Compartilhe isto!

Jean Knolseisen

Fundador da @verokdigital e da @nomagreza 💼 🚀 Baterista nas horas vagas🥁🎶 --